Secretaria de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Aquicultura

Prefeitura Municipal de Macuco

Secretário: Luiz Felipe de Carvalho Espíndola

Links Úteis

Câmara Municipal de Macuco Alerj Governo do Estado do Rio de Janeiro Portal do Brasil Nota Fiscal Eletrônica
Portal da Transparência





Novo secretário de Agricultura mobiliza produtores macuquenses

 

Ao designar o odontologista e produtor rural João Batista Oliveira para comandar a Secretaria de Agricultura em Macuco, o prefeito Félix Lengruber garante ter atingido os objetivos. Segundo ele, a Administração Municipal e o setor agropecuário aumentaram a mobilização, o segmento ganhou mais visibilidade, os resultados positivos já começam a aparecer e, consequentemente, a auxiliar de forma mais incisiva aos produtores rurais de pequeno, médio e grande porte do município.

Na primeira reunião como secretário, na sede da EMATER/RJ de Macuco, quando se apresentou oficialmente aos produtores e técnicos do setor rural macuquense, João Batista disse que a meta é desenvolver um trabalho em que a Secretaria de Agricultura funcione como ferramenta de apoio e parceira dos produtores, evitando cair no velho clientelismo de ocasião. "Quem produz precisa de alicerce técnico e parceria forte. Esse suporte faz os resultados aparecerem rapidamente, pelos próprios esforços do produtor, e todos saem ganhando, inclusive a sociedade e o município", garantiu.

Durante o encontro, João Batista iniciou a coordenação de ações cujos efeitos já estão sendo sentidos, entre elas a reformulação de duas instituições de fundamental importância: o Comitê Gestor da Microbacia Central (COGEM) e o Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável. "Com essas entidades ativas, garantimos a liberação de créditos rurais, incluindo o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar, destinado a estimular a geração de renda e melhorar a mão de obra familiar com financiamento de atividades e serviços rurais", explica o secretário.

E uma boa notícia também já é comemorada entre os militantes do setor agrícola após a reorganização administrativa liderada pelo novo secretário de Agricultura de Macuco. Segundo João Batista, 27 produtores já obtiveram nos últimos dias a liberação de créditos rurais referentes a Programas Ambientais, por intermédio do Rio Rural, considerados aportes essenciais e que totalizam até o momento um montante de R$ 87 mil, que serão utilizados para o fomento de ações ambientais com essa finalidade específica nas propriedades locais. "Tudo passa pela organização e pela atuação de mãos dadas entre administração e produtores", comentou.

Considerados indispensáveis no processo de reestruturação proposto pelo novo secretário de Agricultura, os pecuaristas de gado de corte e leiteiro, além dos produtores de hortifrutigranjeiros, onde se incluem os que desenvolvem a agricultura familiar, comemoram o novo foco a ser desenvolvido. Para fazerem parte do processo desde o início, participaram da reunião o representante da Microbacia da Volta da Ferradura, José Nicodemus Oliveira; da Microbacia do Ribeirão Dourado, Manoel Vogas e Ronald Vogas; da Microbacia Central, Julio Cesar Faria Lima e Girlan de Souza Lima; e os técnicos rurais da EMATER/RJ, José Heronato e René Monnerat.

Por: Ricardo Vieira

ASCOM Macuco